Secretária de Saúde Mariana Jales pede direito de resposta!!!

Share:
A Secretária de Saúde de Imperatriz, Mariana Jales, enviou ao Portal do Frei um direito de resposta com relação a postagem do milionário contrato de compra de EPIs (veja aqui). Por não ter o que alegar, a secretária de forma deselegante, resolveu partiu pra desqualificar a minha postagem, se não vejamos:

- A secretária resolveu contar os estados de atuação da referida empresa, inclusive trouxe até o faturamento da mesma. A minha postagem não fala o valor que a empresa fatura, eu provei através de fotos, a precária estrutura da empresa, como provei o baixo capital registrado da empresa. Vários órgãos da administração publica, limitam seus contratos de acordo com o capital registrado.

- A competentíssima secretária menciona o valor do contrato e diz que é apenas uma estimativa pra todo período de vigência do contrato. Ora, secretária, foi exatamente isso que eu disse, o valor do contrato e disse que seria para um período de apenas 3 meses.

- Outra mentira proferida pela nobre secretária, o Portal do Frei nunca disse que o Hospital de Campanha não tem estrutura para o combate ao Covid-19. O médico Diretor da UPA da Bernardo Sayão, Dr André Leôncio, disse em entrevista ao Procurador de Justiça, Dr Newton Bello, que o Hospital de Campanha tem operado com capacidade reduzida em detrimento do baixo número de funcionários. Além disso, alegou a escassa estrutura do ambiente, aduz ainda que os leitos de UTI ali existentes além de serem insuficientes funcionam de modo precário, assim como se encontram os leitos de enfermaria e sua rede de oxigenação debilitada para tratamento de pacientes com coronavírus.

- Com relação a dispensa de licitação, em nenhum momento na postagem foi feito qualquer questionamento.

- Sendo assim, o direito de resposta da competentíssima secretária não passou de uma mera satisfação ao seu chefinho. Veja abaixo a publicação exigida por ela:


DIREITO DE RESPOSTA

OFÍCIO Nº. _00036__/2019 - GAB-SEMUS.
Imperatriz (MA), 25 de maio de 2020.

AO
SENHOR
Rui Marisson
SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO

Ref.: Fornecimento de informações sobre falsos relatos referentes à assinatura de contrato de dispensa de licitação para fornecimento de EPIs.
Ao tempo em que o cumprimentamos, servimo-nos do presente para apresentar informações relativas aos falsos e omissos relatos referentes à assinatura de contrato de dispensa de licitação para fornecimento de EPI`S.
A Empresa INSTRUMED atua no mercado do Maranhão, Pará, Tocantins e outros Estados, prestando serviços para vários outros órgãos públicos, dentre eles, Secretaria De Estado de Saúde Pública do Pará, Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará e Fundo Municipal de Saúde de Marabá.
Em Imperatriz a referida empresa já atua a mais de 10 anos, possuindo estrutura física e administrativa compatível com sua atuação, conforme se verifica nas fotos anexas. Somente no ano de 2019 o seu faturamento foi de R$ 10.548.038,47.
No que tange ao custo do referido contrato, ressalta-se que o valor de R$ 4.128, 609,90 é apenas uma estimativa para todo o período de vigência do contato, podendo ou não ser utilizado, cujo orçamento  foi proveniente de uma árdua pesquisa de mercado com 10 (dez) outras empresas da mesma área, e a INSTRUMED foi a que apresentou a proposta mais vantajosa.
Foi criado um centro de distribuição dos EPI’s para organizar e atender  a rede de assistência ao enfrentamento do coronavírus, a qual é composta por todas as Unidades Básicas de Saúde, UPA municipal (UPA São José), Hospital Municipal de Imperatriz - HMI, Hospital Municipal Infantil de Imperatriz, bem como o Hospital de Campanha -COVID19 e Vigilância em Saúde.
Portanto, não é verdadeira a informação de que a referida empresa não teria estrutura e capital compatível com o contrato firmado.

É também desumana e mentirosa a notícia de que o Hospital Municipal de Campanha de Combate ao COVID 19 não tem estrutura. Pois, até a data de 21 de maio a estrutura da referida unidade, já atendeu 102 pacientes com internação, tudo com muito zelo, profissionalismo e humanização, por profissionais que também sofrem com as notícias falsas e que promovem o pânico na cidade, pois estão trabalhando ariscando as suas vidas em prol dos Munícipes de Imperatriz e Região.
O Hospital Municipal de Campanha possui 49 leitos de enfermaria e 10 leitos de UTI devidamente equipados e estruturados com respiradores, aparelhos de gasometria, raio X portátil, dentre outros, cuja unidade já salvou muitas vidas, trazendo muitas alegrias para as famílias que dele necessitou.
Propagar o pânico e a desinformação para satisfazer interesses de grupos mesquinhos e sem compromisso com o bem de todos, não é o que precisamos neste momento tão difícil. 
ressalta-se que a dispensa de licitação é um instrumento lícito e necessário para atender a alta demanda e a urgência que a pandemia exige, cujo processo foi instruído com muito zelo e profissionalismo por servidores que também estão se doando e arriscando as suas vidas, neste difícil momento de alta demanda administrativa. 
Por fim, ressalta-se que todas as informações detalhas do contrato constam no projeto básico e vários outros documentos, os quais estão disponíveis no portal da transparência do município, à disposição daqueles que querem prestar informações completas, verdadeiras e honestas. (http://servicos.imperatriz.ma.gov.br/dispensa/)
Sendo só para o momento, renovamos os préstimos de elevada estima e consideração.
 
   Atenciosamente,

Mariana Jales de Souza
Secretário Municipal de Saúde

Nenhum comentário