Procurador geral do municipio é acusado de ter invadido residencia e agredido brutalmente um carroceiro e seu filho!!!

Share:

O Procurador geral do município de Imperatriz, Rodrigo do Carmo e mais duas pessoas, foram acusados pelo carroceiro, Luis Carlos de ter invadido a sua casa e espancado ele e seu filho.

Segundo relatos, o cavalo do procurador saiu desembestado pelas ruas da cidade, o filho de Luis Carlos, conseguiu acalmar o animal e o levou para porta de sua casa, Rodrigo do Carmo foi até a residência e agrediu fisicamente pai e filho.


O Portal do Frei entrou em contato com o Procurador Rodrigo do Carmo, ele enviou um texto dizendo que o rapaz havia furtado a sela e o bridão do seu cavalo, o procurador disse que localizou a residência e foi até o local, eles reagiram e a policia foi chamada e os conduziu até a delegacia.

O Portal do Frei perguntou a ele, se isso era motivos pra invadir a residência e os agredir, Rodrigo respondeu que é tudo mentira, chamou-os de bandidos e disse que foi agredido por eles.

Em pouco mais um mês, Rodrigo do Carmo botou pra desmoralizar publicamente um secretário do município, mas o tiro acabou saindo pela culatra, nem nesse caso, como também no caso do carroceiro, o prefeito ainda não se manifestou; em conversa com um assessor do prefeito, ele disse que o procurador tem carta branca do prefeito, "ele é intocável".

A cidade está perplexa com tanta violência, ainda mais vinda de quem deveria dar o exemplo, primeiro o prefeito agrediu covardemente pelas costas, um deficiente físico dentro de um órgão publico, agora essa acusação de uma atitude insana do procurador geral do município, tudo indica que voltamos ao século 18, Lei de Talião, "olho por olho, dente por dente".

Segundo o Jornalista Holden Arruda, na cidade existem outros relatos de uso de armas e abuso de autoridade promovida por entes nomeados pelo prefeito. 

Nenhum comentário