Dois anos depois da gravação do áudio-bomba, Deputado Marco Aurélio, até hoje não disse pra que ou pra quem seria os R$ 500 mil reais!!!

Share:

Em 2016, os comunistas estavam preparando o Deputado Estadual Marco Aurélio pra ser o candidato do governo à Prefeito de Imperatriz, mas um áudio que foi jogado nas redes sociais, onde o comunista aparece cometendo crimes eleitorais, mudou totalmente a configuração da eleição. 

Depois desse áudio, Marco Aurélio despencou, ao ponto de ser retirado de cena e os comunistas por falta de candidato no partido, foram obrigados à apoiar Rosângela Curado. 

Nesse áudio-bomba, Marco Aurélio aparece conversando e negociando com um dono de uma construtora, ele comete o primeiro crime, ao dizer que a obra (Praça da Bíblia), tem que ser entregue antes da eleição. 

Como ele era candidato a prefeito, queria tirar proveito de uma obra publica, pra se eleger. No áudio-bomba, ele comete o segundo crime, ele fala que a construtora que tem que fazer a obra é a Construtora Gomes Sodré, porque ela é a preferida do Secretário Estadual de Infraestrutura, Clayton Noleto. 

Marco Aurélio quer que essa construtora faça a obra sem licitação, segundo ele, pra fazer a licitação, a obra ficaria R$ 500 mil reais mais cara. 

Ele nunca explicou pra quê ou pra quem seria esse dinheiro. Logo que o Portal do Frei fez a postagem, ele soltou uma nota, querendo desqualificar a postagem e dizendo que era perseguição da oposição, depois ele soltou uma segunda nota, nessa ele admite que que o áudio é verdadeiro, porém não assume nenhum dos crimes. 

O Portal do Frei conseguiu saber quem é a pessoa que gravou o áudio, procurado, o dono da construtora disse que o áudio é verdadeiro e que foi gravado por engano e que não sabe quem jogou o mesmo nas redes sociais, ele também não soube dizer pra quê ou pra quem seria os R$ 500 mil reais. 

O Portal do Frei está atras do áudio completo, segundo informações é nitroglerina pura. 

Mais de dois anos se passaram e o povo até hoje quer saber, Deputado Marco Aurélio, porque R$ 500 mil reais a mais na reforma da Praça da Biblia? Esse dinheiro seria usado em quê? Ou esse dinheiro iria pra quem? Ouça o áudio e tire suas próprias conclusões: 


Nenhum comentário