Prefeitura abre mão de fazer licitação e contrata empresa com adesão de ata de outro estado!!!

Share:


No dia dois de Maio deste ano, a Prefeitura de Imperatriz publicou no Diário Oficial o contrato nº 002/2017-SEAMO, firmado com a empresa GOLDI SERVIÇOS E ADMINISTRAÇÃO LTDA - EPP. Objeto do contrato: Contratação de uma empresa especializada no gerenciamento, implantação e operação de sistema informatizado/integrado com fornecimento/utilização de cartão magnético ou micro processado, utilizado na operação de fornecimento de combustíveis, (gasolinas
comum e aditivada, diesel comum e diesel S10) e serviços de manutenção preventiva e corretiva leve e pesada (com reposição de peças) nos veículos institucionais, com rede credenciada para todo o Brasil para uso da frota do Município de Imperatriz. Modalidade: Adesão à Ata de Registro de Preços do Pregão Eletrônico nº 02/2016 do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte - IFRN. REFERÊNCIA: 14.001.0072/2017 - SEAMO. VIGÊNCIA: 28/04/2017 a 28/04/2018, valor: R$ 11.040.933,88. Esse contrato vem chamando muito a atenção, são vários objetos dentro de um mesmo contrato. Por que a prefeitura aderiu a uma licitação feita no Rio Grande do Norte? Por que não fez uma licitação permitindo que empresas locais participassem com condições de obter melhor valor? A empresa Goldi, não tem nenhuma oficina na cidade pra da manutenção na frota do município, ela esta contratando as oficinas da cidade, ou seja, ela entra apenas com a administração. Já existem denuncias que ela estaria favorecendo a empresa Autogiro, que também não tem oficina. Veja só como é que funciona, um determinado reparo precisa ser feito em um veiculo do município, a Goldi é acionada, ela aciona a Autogiro, que fornece através de suas filiais, três orçamentos, a Goldi autoriza fazer o serviço, a empresa Autogiro contrata uma oficina qualquer pra fazer o reparo. Qual é o valor que esse simples reparo vai custar aos cofres do município no final? A Câmara Municipal e o Ministério Público, precisam investigar e cancelar imediatamente esse contrato.

2 comentários:

  1. porque você não informa qual é a prefeitura e o contrato, ta querendo extorquir, se não concorda pq não encaminha ao MP uma denuncia, ou ao menos informa direito ???? nossa, só jesus voltando é tudo bandido.

    ResponderExcluir
  2. […] fiscalizar e acompanhar o contrato de manutenção da frota de veículos, denunciado pelo Blog (veja aqui). Estão tentando reinventar a roda, cria-se uma burocracia tão grande e pra nada, o que estamos […]

    ResponderExcluir