ILEGAL, IMORAL! O Direito a propriedade e a vontade desenfreada de conseguir votos a custa do suor alheio!!!

Share:


Durante toda semana que passou a cidade foi palco de uma grande discussão, em torno da reintegração de posse de uma área ocupada no Bairro Bom Jesus. De um lado o povo trabalhador, ordeiro e que é a favor da nossa legislação. Do outro um pequeno grupo de partidários, que querem conquistar votos a custa do suor alheio, pessoas que desconhecem o nosso ordenamento jurídico. Os verdadeiros proprietários, pacientemente buscaram na justiça a reintegração daquilo que é deles, que foi comprado e pago por eles. A justiça entendeu que o erro cometido precisava ser sanado e mandou devolver a seus legítimos donos a área invadida. Mas uma decisão do Desembargador Lourival de Jesus Serejo, suspendeu a reintegração. O Governo Flávio Dino recorreu alegando que havia o risco de resistência e possível confronto com a PM durante o despejo. Levaram uma falsa informação ao tribunal de que são mais de 1.500 famílias, quando na verdade a área, de 85 hectares é reivindicada por cerca 600 famílias. Levantamento feito pelas autoridades, mostram que apenas 100 famílias não tem teto. O Governo Flávio Dino que se diz preocupado com as questões sociais, por que não indeniza os proprietários e legaliza de vez essa situação? As pessoas que querem investir em nossa cidade, estão temerosas, porque sabem que não há o respeito pelo direito a propriedade.

Um comentário:

  1. Não sou da Direita e nem esquerda, mas não considero V.sa um profissional da comunicação por zelar da imparcialidade, te vejo como um apoiador burguês da elite escrok que sonega impostos e pousa de bom samaritano, deixe a justiça agir, sua opinião só interessa a elite hipócrita da cidade.

    ResponderExcluir