Servidores do Hospital Regional, estão trabalhando sem CARTEIRA ASSINADA.

Share:
[caption id="attachment_2148" align="aligncenter" width="802"]hospital-regional "Hospital da MORTE"[/caption]

O Governador Flávio Dino, ganhou a eleição dizendo que iria fazer um governo diferente, um governo voltado para os mais carentes, um governo que priorizaria os movimentos sociais, que estaria ao lado dos servidores. Mas na pratica estamos vendo tudo ser feito ao contrário, segundo denuncia da Deputada Estadual Andrea Murad, o governo hoje tem mais de 8 mil servidores trabalhando sem carteira assinada, esta realidade pode ser comprovada aqui em Imperatriz. No Hospital Regional Materno Infantil a situação é ainda pior, eles estão sendo enganados desde o primeiro dia que Flávio assumiu o governo. Primeiro Foi a Bem Viver, que deixou o governo e não fez acerto com os servidores. Depois da Licitação, o Instituto ICN assumiu e assinou a carteira de trabalho dos servidores, mas logo foi afastado pelo governo, e até hoje sequer deu baixa nas carteiras de trabalho. A empresa do governo que assumiu a saúde no lugar do Instituto ICN, a Emserh, já esta a mais de 6 meses no comando, e até agora não assinou carteira de nenhum servidor. O Sindicato a unica que faz é reunião, mas não tem conseguido resolver nada, o Ministério Público faz ouvido de mercador, os deputados da região, Marco Aurélio e Léo Cunha, nunca deram uma palavra a favor dos servidores, como sempre estão comendo moscas. Resta pedir a Deus que olhe por esses servidores.

Nenhum comentário