Flávio Dino é acusado de abandonar a educação das comunidades indígenas.

Share:

Indios sem aula 1


O transporte escolar indígena da região de Grajaú de Barra do Corda, não tem recebido a devida atenção do governo do estado, primeiro foi a denúncia do Índio Uirauchene, ele disse que estava pagando propina para a comunista Simone Limeira para intermediar a liberação do pagamento. Agora as comunidades indígenas estão denunciando o abandono da educação pelo governo do estado. Os Silvícolas estão a 112 dias sem aula por falta de transporte escolar e merenda escolar. Se o governo tem coragem de tratar a educação desta forma, imagine como estão as outras pastas do governo.


Indios sem aula 2

Nenhum comentário